Foto: Agência Brasil

Minas (10.916), Rio Grande do Sul (8.499) e Santa Catarina (6.460) lideraram as licenças no primeiro semestre.

A Polícia Federal liberou a civis o equivalente a 419 armas de fogo por dia no Brasil durante o primeiro semestre de 2021. A quantidade, que totalizou 76.329 novas armas em circulação, representa crescimento de 67% ante os primeiros seis meses do ano passado. Essa é a maior taxa em pelo menos 13 anos, demonstrando a alta vertiginosa sentida sob a gestão Jair Bolsonaro, defensor de maior acesso a armas pela população civil.

A elevação nas concessões destinadas a cidadãos comuns ocorreu em todos os estados, mas, em números absolutos, Minas (10.916), Rio Grande do Sul (8.499) e Santa Catarina (6.460) lideraram as licenças no primeiro semestre.

Em termos proporcionais à população, Rondônia (16,9 novas armas por 10 mil habitantes), Mato Grosso (15,8) e Acre (12,8) aparecem à frente. Os dados foram obtidos junto à PF pela agência Fiquem Sabendo, especializada no acesso a informações públicas, e reportados neste domingo pelo jornal O Estado de S.Paulo.

Rádio Guaíba
por Rádio Guaíba
25/07/2021 20:40